Programação
 › Algoritmo  › C/C++  › Java
Web
 › HTML/XHTML  › JavaScript  › PHP
Sistema Operacional
 › Comandos de DOS  › Windows  › Linux  › Mac/BSD
Office
 › Word / Writer  › Excel / Calc
Áreas do Site
 › Download  › Fórum  › Blog
Recomendamos
Computadores e Informática em Lisboa
TI Expert » Programação » Web » PHP » Introdução ao PHP

PHP

PHP (um acrónimo recursivo para "PHP: Hypertext Preprocessor") é uma linguagem de programação de computadores interpretada, livre e muito utilizada para gerar conteúdo dinâmico na World Wide Web, como por exemplo a Wikipédia.

Histórico

A linguagem surgiu por volta de 1994, como um pacote de programas CGI criados por Rasmus Lerdof, com o nome Personal Home Page Tools, para substituir um conjunto de scripts Perl que ele usava no desenvolvimento de sua página pessoal. Em 1997 foi lançado o novo pacote da linguagem com o nome de PHP/FI, trazendo a ferramenta Forms Interpreter, um interpretador de comandos SQL.

Mais tarde, Zeev Suraski desenvolveu o analisador do PHP 3 que contava com o primeiro recurso de orientação a objetos, que dava poder de alcançar alguns pacotes, tinha herança e dava aos desenvolvedores somente a possibilidade de implementar propriedades e métodos.

Pouco depois, Zeev e Andi Gutmans, escreveram o PHP 4, abandonando por completo o PHP 3, dando mais poder à máquina da linguagem e maior número de recursos de orientação a objetos. O problema sério que apresentou o PHP 4 foi a criação de cópias de objetos, pois a linguagem ainda não trabalhava com apontadores ou handlers, como é a linguagem Java.

O problema fora resolvido na versão atual do PHP, a versão 5, que já trabalha com handlers. Caso se copie um objeto, na verdade copiaremos um apontador, pois, caso haja alguma mudança na versão original do objeto, todas as outras também sofrem a alteração, o que não acontecia na PHP 4.

Trata-se de uma linguagem extremamente modularizada, o que a torna ideal para instalação e uso em servidores web. Diversos módulos são criados no repositório de extensões PECL (PHP Extension Community Library) e alguns destes módulos são introduzidos como padrão em novas versões da linguagem. É muito parecida, em tipos de dados, sintaxe e mesmo funções, com a linguagem C e com a C++. Pode ser, dependendo da configuração do servidor, embarcada no código HTML. Existem versões do PHP disponíveis para os seguintes sistemas operacionais: Windows, Linux, FreeBSD, Mac OS, OS/2, AS/400, Novell Netware, RISC OS, IRIX e Solaris.

A Wikipédia funciona sobre um software inteiramente escrito em PHP, usando bases de dados MySQL: o MediaWiki.

Construir uma página dinâmica baseada em bases de dados é simples com PHP, (em parte, vale lembrar), este provê suporte a um grande número de bases de dados: Oracle, Sybase, PostgreSQL, InterBase, MySQL, SQLite, MSSQL, Firebird, etc., podendo abstrair o banco com a biblioteca ADOdb, entre outras.

PHP tem suporte aos protocolos: IMAP, SNMP, NNTP, POP3, HTTP, LDAP, XML-RPC, SOAP. É possível abrir sockets e interagir com outros protocolos. E as bibliotecas de terceiros expandem ainda mais estas funcionalidades.

Existem iniciativas para utilizar o PHP como linguagem de programação de sistemas fixos. A mais notável é a PHP-GTK. Trata-se de um conjunto do PHP com a biblioteca GTK, portada do C++, fazendo assim softwares inter-operacionais entre Windows e Linux. Na prática, essa extensão tem sido muito pouco utilizada para projetos reais.

Principais características

A linguagem PHP é uma linguagem de programação de domínio específico, ou seja, seu escopo se estende a um campo de atuação que é o desenvolvimento web, embora tenha variantes como o PHP-GTK. Seu propósito principal é de implementar soluções web velozes, simples e eficientes.

Características:

  • Velocidade e robustez
  • Estruturado e orientação a objeto
  • Portabilidade - independência de plataforma - escreva uma vez, rode em qualquer lugar;
  • Tipagem fraca
  • Sintaxe similar a Linguagem C/C++ e o PERL

Extensões

Extensões do PHP:

  • Funções de compressão de bzip2
  • Funções de conversão de Calendar
  • Funções de ClibPDF
  • Funções de crack
  • Família de funções ctype
  • Biblioteca de rotinas de cliente URL - CURL
  • Funções de pagamento Cybercash
  • Funções DBM
  • Camada de funções de abstração de banco de dados DBA
  • Funções de dBase
  • Funções dbx
  • Funções DOM XML
  • Funções .NET
  • Funções EXIF
  • Funções FrontBase
  • Funções de formato de dados de formulários (Forms Data Format) FDF.
  • Funções de filePro
  • Funções de FTP
  • Funções da biblioteca de imagens GD
  • Funções de Gettext
  • Funções de HyperWave
  • Conversão de tabela de caracteres ICONV
  • Funções de Informix
  • Funções de manuseio de IIS
  • Funções de IMAP POP3 e NNTP
  • Funções de Ingres II
  • Funções de InterBase
  • Funções de Java
  • Funções de LDAP
  • Funções de Multi-Byte String
  • Funções de Mcrypt Encryption
  • Funções de Mhash
  • Funções de Mimetype
  • Funções de Ming para Flash
  • Funções de mSQL
  • Funções de MSSQL
  • Funções de MySQL
  • Funções de MySQLi
  • Funções de Oracle 8
  • Funções de OpenSSL
  • Funções de Oracle
  • Funções de sobrecarga de objectos
  • Funções de PDF
  • Funções de PostgreSQL
  • Funções de impressora
  • Funções de memória Compartilhada
  • Funções de get and walk de SNMP
  • Funções de SOAP
  • Funções de socket
  • Funções de Sybase
  • Funções de Tidy
  • Funções de Tokenizer
  • Funções de W32api
  • Funções de XML-RPC
  • Funções de XSLT
  • Funções do YAZ
  • Funções para Arquivos Zip
  • Funções de compressão de ZLib

Grandes mantenedores

PHP já há algum tempo tem chamado atenção de gigantes da Tecnologia por sua robustez e facilidades. Segue alguns:

  • Oracle
  • Yahoo!
  • Wikipedia
  • IBM
  • Eclipse (IDE)
  • Netbeans (IDE)

GNU Free Documentation License
Este é um artigo adaptado que pertence ao site Wikipédia
e está sob licença GNU Free Documentation License.
Para vê-lo na íntegra, acesse:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Php

Faça o download da versão em PDF Indique nosso site Gostou?
Indique nosso site!
Este artigo foi
lido 12585 vezes
Bookmark e Compartilhe

Páginas Relacionadas

Enquete
O Google Chrome OS irá desbancar o Microsoft Windows 7?
» ProgramaçãoAlgorítmo | C/C++ | Java

» WebHTML/XHTML | JavaScript | PHP

» Sistema OperacionalComandos de DOS | Windows | Linux | Mac/BSD

» OfficeWord/Wirter | Excel/Calc

» Áreas do SiteDownloads | Fórum | Blog