Programação
 › Algoritmo  › C/C++  › Java
Web
 › HTML/XHTML  › JavaScript  › PHP
Sistema Operacional
 › Comandos de DOS  › Windows  › Linux  › Mac/BSD
Office
 › Word / Writer  › Excel / Calc
Áreas do Site
 › Download  › Fórum  › Blog
Recomendamos
Computadores e Informática em Lisboa
TI Expert » Programação » C/C++ » Funções (com argumentos)

Funções

Funções são usadas para criar pequenos pedaços de códigos separados do programa principal. Em C/C++, tudo, na verdade, é uma função. INT MAIN (VOID) é uma função, por exemplo.

Exceto a função MAIN, todas as outras funções são secundárias, o que significa que elas podem existir ou não.

Então, qual a vantagem de fazermos uma função?

Funções são importantes porque elas retornam valores, ajudam a fragmentar o código em partes menores - mais fáceis de lidar - e ainda por cima podem ser utilizada mais de uma vez no mesmo programa, poupando preciosos minutos de programação e inúmeras linhas de código.

Criando funções com argumentos

Primeiramente, o que são argumentos? Argumentos são parâmetros pré-especificados que são necessários para o funcionamento de uma função. Resumidamente, um argumento é uma variável ou valor que é necessário para algum processo da função.

Para criar uma função com argumento é simples.

Criamos a função como de costume. Primeiro o tipo de retorno e depois o nome da função. Então, entre parênteses "declaramos uma variável", ou praticamente isso. Podemos por quantos argumentos quisermos, basta que para cada argumento especifique-se seu tipo e separe-se por vírgula. Ex:

  • 1 argumento: INT NOMEDAFUNÇÃO (int argumento1)
  • 2 argumentos: INT NOMEDAFUNÇÃO (int argumento1, int argumento 2)
  • 3 argumentos: INT NOMEDAFUNÇÃO (int argumento1, float argumento2, long int argumento3)
  • etc...

Analisemos o código:

#include <cstdio>
#include <cstdlib>

int mult3 (int a, int b, int c){
    return a*b*c;
}

int main (void){
    int valor1, valor2, valor3, resultado;
    printf ("Digite 3 valores que serao multiplicados\n");
    scanf ("%d %d %d", &valor1, &valor2, &valor3);
    getchar ();
    resultado=mult3(valor1, valor2, valor3);
    //Valor1 será int a, valor2 será int b e valor3 será int c
    printf ("O resultado e %d\n\n", resultado);
    system ("pause");
    return EXIT_SUCCESS; //o mesmo que return 0.
}

Como podemos ver, foi criada uma função chamada mult3 que precisa de três argumentos: a, b e c. O seu retorno é a multiplicação das três (a*b*c) que fica gravado na variável resultado.

Creative Commons License
Autor: Denys William Xavier
Este artigo está sob Licença Creative Commons.

Faça o download da versão em PDF Indique nosso site Gostou?
Indique nosso site!
Este artigo foi
lido 47070 vezes
Bookmark e Compartilhe

Páginas Relacionadas

Enquete
O Google Chrome OS irá desbancar o Microsoft Windows 7?
» ProgramaçãoAlgorítmo | C/C++ | Java

» WebHTML/XHTML | JavaScript | PHP

» Sistema OperacionalComandos de DOS | Windows | Linux | Mac/BSD

» OfficeWord/Wirter | Excel/Calc

» Áreas do SiteDownloads | Fórum | Blog